Voltar para: DOAÇÃO DE SANGUE

CURIOSIDADES DO SANGUE

- A hemoterapia, ciência que estuda o tratamento de doenças utilizando o sangue, sempre ocupou um espaço entre o científico e o místico. Os gregos conheciam o sangue como sustentáculo da vida.

- As primeiras transfusões de sangue foram realizadas em animais no século XVII por Richard Lower, em Oxford, no ano de 1665.

- A história de uma transfusão sanguínea foi descrita no século XV pelo escritor italiano Stefano Infessura. Infessura relatou que, em 1492, quando o Papa Inocêncio VIII estava em coma, e o sangue de três rapazes foi infundido no agonizante pontífice, por sugestão de um médico. Entretanto, não somente o papa morreu, mas também as três crianças.

- Em 1788, Pontick e Landois, obtiveram resultados positivos realizando transfusões homólogas, chegando à conclusão de que poderiam ser benéficas e salvar vidas. A primeira transfusão com sangue humano é atribuída a James Blundell, em 1818, que após realizar com sucesso experimentos em animais, transfundiu mulheres com hemorragias pós-parto.

- No final do século XIX, problemas com a coagulação do sangue e reações adversas continuavam a desafiar os cientistas.

- Em 1869, foram iniciadas tentativas para se encontrar um anticoagulante atóxico, culminando com a recomendação pelo uso de fosfato de sódio, por Braxton Hicks. Simultaneamente desenvolviam-se equipamentos destinados a realização de transfusões indiretas, bem como técnicas cirúrgicas para transfusões diretas, ficando esses procedimentos conhecidos como transfusões braço a braço.

- Em 1901, o imunologista austríaco Karl Landsteiner descreveu os principais tipos de células vermelhas: A, B, O e mais tarde a AB. Como conseqüência dessa descoberta, tornou-se possível estabelecer quais eram os tipos de células vermelhas compatíveis e que não causariam reações desastrosas, culminado com a morte do receptor.

- A primeira transfusão precedida da realização de provas de compatibilidade, foi realizada em 1907, por Reuben Ottenber, porém este procedimento só passou a ser utilizado em larga escala a partir da Primeira Guerra Mundial (1914-1918).

- Em 1914, Hustin relatou o emprego de citrato de sódio e glicose como uma solução diluente e anticoagulante para transfusões, e em 1915 Lewisohn determinou a quantidade mínima necessária para a anticoagulação. Desta forma, tornavam-se mais seguras e práticas as transfusões de sangue.

- Idealizado em Leningrado, em 1932, o primeiro banco de sangue surgiu em Barcelona em 1936 durante a Guerra Civil Espanhola.
- Após quatro décadas da descoberta do sistema ABO, um outro fato revolucionou a prática da medicina transfusional, a identificação do fator Rh, realizada por Landsteiner.

- No século XX, o progresso das transfusões foi firmado através do descobrimento dos grupos sanguíneos; do fator Rh; do emprego científico dos anticoagulantes; do aperfeiçoamento sucessivo da aparelhagem de coleta e de aplicação de sangue, e, do conhecimento mais rigoroso das indicações e contra indicações do uso do sangue.

- Após a Segunda Guerra Mundial, com os progressos científicos e o crescimento da demanda por transfusões de sangue, surgiram no Brasil os primeiros Bancos de Sangue.

- Foi em 1627, com a descoberta da circulação sanguínea no corpo, por Willian Harvey, que a hemoterapia começou a chamar atenção dos estudiosos da saúde para a possibilidade da transfusão.

- Em 1667, foi feita a primeira tentativa de transfusão de um carneiro para um paciente portador de tifo. Ele faleceu, mas a partir daí as tentativas de transfusão passaram por várias transformações.
- No início do século XX (1900)Karl Landsteiner descobre os grupos sanguíneos ABO e, 40 anos depois, descobre também o fator Rh.

Nos dias de Hoje

- A quantidade de sangue doado é de aproximadamente de 450ML . A quantidade de sangue no corpo de um indivíduo é cerca de 8% de seu peso e apenas 10% desse total pode ser doado.

- A parte líquida é reposta pelo organismo em 24h e o ferro é reposto pela alimentação em até 2 meses para homens e, 3 meses para mulheres, devido ao período menstrual. Portanto, você pode doar após este período.

- Em um intervalo de 12 meses os homens podem realizar até 4 doações e as mulheres até 3 doações.

- O sangue não se fabrica industrialmente;
 

 

FUNDAÇÃO CENTRO DE HEMOTERAPIA E HEMATOLOGIA DO PARÁ
Trav. Pe. Eutíquio, 2109, Batista Campos - 66033-000 - Belém - PA - Brasil
Fone/Fax: (91) 3242-9100 e 0800-280-8118 - E-mail: hemopa@hemopa.pa.gov.br